O maior concurso internacional de fotografia de desportos de acção e aventura volta em 2010
Wednesday, 17 March 2010 11:08
news_redbull3.jpg
O maior concurso internacional de fotografia de desportos de acção e aventura volta em 2010, depois de um enorme sucesso na edição de 2007. 
 
Nesse ano, mais de 2000 fotografos de diversos pontos do planeta submeteram um avassalador número de fotografias a concurso, tendo sido avaliados por profssionais da especialidade, dando origem a uma galeria de fotografias finalistas absolutamente geniais. 
 
Neste segunda edição, o objectivo é mais uma vez encontrar as mais fantásticas e arrebatadoras fotografias de desportos de aventura que espelhem a paixão e o lifestyle dos atletas, homenageando para além deles, os fotografos que, muitas vezes em situações duras e desgastantes, estão no sitio e na altura certa para com um clique nos deixarem  maravilhados e muitas vezes nos deslumbrarem com uma perspectiva completamente nova do "nosso" desporto.  
 

A fase de registo e de submissão de fotografias a concurso começou em Outubro do ano anterior, e prolonga-se até final do corrente mês de Fevereiro, e até à data, mais de 6400 fotos foram já inscritas, através de mais de 2700 fotografos amadores e profissionais, através do site www.redbullillume.com. Os vencedores deste ano serão anunciados em Maio de 2010, para cada uma das 10 categorias possíveis: culture, playground, energy, spirit, close up, wings, sequence, new creativity, experimental e illumination.
 
Na edição de 2007, o kitesurf surgiu representado na lista de finalistas na categoria de playground, através de uma foto de Alberto Guglielmi, que fotografava uma sessão para o catálogo desse ano da marca RRD. 
 
De um dos cliques da sua Nikon D200 saiu a fantástica fotografia que mostra as cores brutais da Lagoa onde decorreu a sessão. No Oceano Indico, nas Ilhas Maurícias, foi na península de Le Morne que o atleta Simone Vannucci (na altura ainda um rider RRD) se tornou o protagonista da fotografia que levou o kitesurf aos finalistas do Red Bull Illume.
 
Curiosamente, esta é uma foto que poderia não existir caso o piloto do helicópeto não tivesse sido trocado à última hora e este não se recusasse a voar mais baixo que 150 metros... Isso levou a alteração de planos por parte do fotografo, que acabou por optar fazer uma abordagem mais artística ao invés de técnica e concentrada nos riders. Orientou os atletas e conseguiu captar a triologia rider - recife - linha das ondas. Fotografar através de uma lente de 400mm num helicóptero em movimento terá sido sem dúvida um desafio, mas que valeu, claramente, a pena. 
 
Este ano, vamos ficar atentos aos resultados "iluminados" deste evento.
 
 
Artigo realizado por tak | things about kite